• lauragaramboneblog

Você já ouviu falar na Gestrinona?





Ela é um hormônio sintético (produzido em laboratório) que já foi indicado para o tratamento de endometriose por via oral com resultados muito bons no passado! Mas, como causa efeitos adversos androgênicos, vem sendo cada vez menos usado para esse tratamento.


O irônico é que a mesma ação androgênica que fez as pacientes diminuírem a aderência ao tratamento, vem encantando outras mulheres, que buscam exatamente estes efeitos.


Mas quais são eles ?


Os tais efeitos androgênicos são similares aos causados pelo uso da testosterona: aumento de pelos e de acne, engrossamento da voz, e às vezes, aumento do tamanho do clitóris. Por outro lado, há ganho de massa muscular e melhora da libido - dependendo, é claro, da dose utilizada.


A gestrinona é um dos componentes do famoso "Chip da beleza", que você certamente já ouviu falar, não é?


Atualmente não indico a gestrinona para essa finalidade "embelezadora". Até porque ainda precisamos de muitos estudos comprovando que, o uso a longo prazo, não causa danos ao organismo.


Mas, em casos selecionados, de pacientes com endometriose por exemplo, pode ser usado como tratamento combinado ou único. Não necessariamente precisamos usá-lo como implante ou "chip". Pode ser usado via transdérmica ou como cremes e óvulos vaginais.


E aí, já conhecia? Me conta aqui!

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo